Ajuda aos parentes

A perda auditiva não tratada afeta nossas vidas sociais. Incentive seu parente ou amigo a procurar ajuda, assim a comunicação fica mais fácil para todos.

Alguém que você conhece precisa de um empurrãozinho?

Se você está lendo isso é porque suspeita que alguém que você se importa possa ter perda auditiva. Esteja apto a dar suporte e ajudar ao seu familiar ou amigo a poder ouvir melhor.

Você tem ouvido "Desculpe, pode repetir?" com muita frequência ultimamente? Com a perda auditiva os sons vão diminuindo tão gradativamente que eles podem desaparecer completamente sem serem notados. Você e outras pessoas podem ter a impressão de que a pessoa com perda auditiva têm audição seletiva.  Isso normalmente acontece porque alguns sons chegam claramente mas não outros, e essas lacunas logo começam a aparecer em frases e palavras. Isso torna a conversação difícil em um lugar lotado ou no telefone.


Se for deixada sem tratamento, a perda auditiva pode afetar relacionamentos entre as pessoas afetadas e seus amigos e família, silenciosamente deteriorando a qualidade de vida deles. 

Por isso é importante que você:

  • Encoraje seu amigo ou familiar e fazer um teste de audição para que as medidas necessárias possam ser tomadas. 

  • Aprenda como tornar a conversação mais fácil, reconsiderando as formas como você se comunica.


Leia mais sobre perda auditiva.

Reconheça os sinais de perda de audição

Estas perguntas vão te ajudar a fazer uma rápida avaliação da audição do seu amigo ou parente.

Esta pessoa que você se importa:

…reclama que todos parecem estar murmurando e pede a você e a outras pessoas para repetirem as coisas? SIM/NÃO

…tem que sentar de frente para você e não ouve quando alguém chama por trás dela ou de outro cômodo? SIM/NÃO

…tem dificuldade para conversar em ambientes barulhentos, como restaurantes ou carros? SIM/NÃO

…tende a ficar mais quieta que o normal quando está socializando? SIM/NÃO

…assiste a TV ou ouve o rádio num volume anormalmente alto? SIM/NÃO

…perde grande parte do diálogo quando vai ao teatro, cinema ou outros locais? SIM/NÃO

Se o resultado indicar perda auditiva

Se a resposta para a maior parte das perguntas for sim, você deve insistir para que essa pessoa faça um teste de audição. Quanto mais cedo você obtiver um diagnóstico claro, mais positivos tendem a ser os resultados. Garanta à pessoa que você gostaria de acompanhá-la à consulta, que ela estará em mãos excelentes e que você dará todo o apoio no processo dele/dela na busca de uma melhor audição nos meses que se seguem. 


7 bons hábitos de comunicação

A comunicação é uma via de mão dupla. Aparelhos auditivos podem não ser o suficiente para garantir sucesso em todas as conversas. Você pode fazer bastante coisa para tornar a audição e a comunicação mais fáceis.

1. Ganhe a atenção da pessoa antes de falar, para que ela esteja pronta para olhar para você e focar no que você está dizendo.

2. Fale claramente e num ritmo natural – não grite.

3. Fique perto e sente de forma que seu rosto fique iluminado, para que suas expressões faciais possam ser lidas.

4. Tente não falar de boca cheia ou enquanto fuma, ou tampar sua boca enquanto fala.

5. Reduza o barulho de fundo, desligue a música ou a TV ou vá para um lugar mais silencioso.

6. Se estiver em grupo, tente não interromper os outros.

7. Ao invés de repetir o que disse, tente reformular a frase. 

 

Diagnóstico e tratamento de perda auditiva

Em mais de 90% dos casos de perda auditiva, aparelhos auditivos são o melhor tratamento, o que pode melhorar a qualidade de vida não apenas para o deficiente auditivo, como também para toda a família.

Faça um teste de audição

O primeiro passo para uma audição melhor é fazer um teste de audição num centro auditivo. Isso leva menos de uma hora e é completamente livre de dor. Como há muita informação para digerir, ofereça-se para acompanhar. Duas cabeças lembram melhor do que uma.

O melhor tratamento

Se o teste mostrar sinais de perda auditiva, o próximo passo é encontrar a solução correta. Aparelhos auditivos são o melhor tratamento na maioria dos casos, já que eles melhoram a habilidade de comunicação - mesmo que nunca recuperem a audição de alguém. A solução que o profissional de audição irá recomendar vai depender das necessidades, estilo de vida, preferências pessoas e orçamento da pessoa. 

Ajustando-se à novas impressões

Uma vez que os aparelhos auditivos estiverem no lugar, você deve encorajar a pessoa a ser paciente. Sons amplificados podem sobrecarregador, pois o cérebro precisa aprender a ouvir de novo sons que ele havia esquecido. Mas é importante que a pessoa usa os aparelhos auditivos o máximo que puder, para dar ao cérebro o tempo para se ajustar. Se o volume estiver muito baixo ou muito alto, incentive a pessoa a levar os aparelhos para serem ajustados.

Leia sobre os primeiros dias com os aparelhos aqui